Thursday, June 28, 2007
Todos sabem que tenho um carinho mt especial pelas mulheres indianas.

São mulheres sofridas, maltratadas, esquecidas, mas batalhadoras.
São sempre deixadas em ultimo plano, e seus machistas esposos, pensam primeiramente neles, depois nos filhos, depois nos pais e irmãos, e ai sim em sua esposa.
Sem nenhum amor próprio, são tratadas como escravas, e mts vezes abaixo de berros.
Eh triste ver mesmo na produção da fabrica, os homens gritando com elas, como se fossem animais...me revolta o estomago.

Mas desde que chegamos aqui, tento me aproximar delas, p arrancar um sorrisinho...
Fiz excelentes amizades, mulheres humildes, mas com um coração belo e puro.

No inicio, tinham receio de se aproximar, mas depois que comecei a vestir saree e tentar conversar com elas, senti que elas me adotaram.
Onde passo me abanam, ou trazem flores para por em meu cabelo...(eu adorava jasmim, mas agora não agüento mais o cheiro!!hehe! mas nunca nego um presente!). Chego a ficar com dor de cabeça, daquele perfume forte, mas como não quero decepcioná-las, mantenho as flores ate o final do dia...hehe

Um exemplo bacana que hj tenho bem forte, são as meninas do nosso atelier.
São dois grupos distintos, o primeiro trabalha com o depto de criação, e o segundo trabalha p nos, depto técnico.
No inicio eu conversava mais com as meninas do setor de criação, pois era onde eu trabalhava, e tbm por ter a menina que costura meus sarees. Mas desde que mudei de setor, tento me aproximar das outras meninas tbm.
Me esforcei ao maximo para aprender seus nomes (Bavani, Laksmi, Sunguita, Mina, Shine, Maronisha, Mabu).
E hj ate tamil(língua local) já estão me ensinando!hehe

Como elas não falam inglês, a gente tem que se virar...eh engraçado de ver...damos mts risadas!

Os minutinhos que passo no setor, eh uma alegria, mesmo quando o assunto eh serio, e tenho que reclamar alguma coisa, elas aceitam sem problemas.
Sempre digo que somos uma família, e agora ate já me chamam de ACA, (irmã).

Sinto tbm que o clima mudou, antes elas eram preguiçosas, e agora percebemos que elas gostam mais do que estão fazendo...e não faltam tanto quanto antes;o índice de faltas antes era altíssimo!!!
E toda vez que chego, elas já puxam o banquinho p eu sentar ao lado delas. E as vezes boto a mão na massa tbm!!! Ate costura a mão (ponto celeiro) eu já aprendi a fazer!!hehe

Tbm tenho como ótimo exemplo a enfermeira Sheela(post anterior) como uma das melhores mulheres que conheci. De bondade infinita, e super inteligente, me cativou desde o principio (tive que tomar um monte de injeção em novembro passado!!!)hehe
Mesmo não sentindo dores, tds os dias, dou um pulinho na enfermaria, só p dar um Hello!

Hj, sexta-feira, nosso penúltimo dia, todas as meninas do atelier vieram vestidas com seus melhores Sarees, pois prometi tirar fotos com elas.
Pediram ate p o Edson tirar fotos junto.hehe

As meninas da produção, trouxeram presentes, flores, e pediram p eu autografar em seus caderninhos de endereço, p elas não perderem o contato comigo caso qndo eu voltar elas não estejam mais trabalhando aqui...tadinhas.

Eh indescritível a emoção que sinto por esse carinho recebido diariamente... um carinho inocente, mas que aceito e agradeço com todo meu coração.
Claro que retribuo esse carinho e atenção...mas sei que jamais conseguirei igualar o montante que elas me dão.
O mais legal disso tudo, eh aprender a dividir nossos sentimentos verdadeiros com pessoas verdadeiramente puras; sem almejar nada em troca.
E de quebra, esquecer as classes sociais.
 
posted by Liz & Edson at 9:39 PM |


1 Comments:


At 6:52 AM, Anonymous krika

Muito legal miga postar sua experiência, achei muito legal mesmo, gosto de postes assim , que mostra o seu dia-dia, e fala pras meninas que elas estão lindas viu, mil beijos.